domingo, 9 de setembro de 2007

Repercussão...

Continuarei repercutindo com os alunos sobre a prova deste domingo - Escrevente Técnico Judiciário do TJ-SP - gabarito extra-oficial, nota de corte, próximos concursos, etc.

Deixe seu comentário, participe. Hoje, ninguém dorme!

Um abraço amigo,

Prof. Douglas.

5 comentários:

Thiago Ribas disse...

prof. Douglas, vc tem ideia de que horas a profa lindinha irá passar o gabarito de português??

obrigado

Anônimo disse...

prof. a de matematica dejuros não seria 9800? pq e juros simples, se recebeu em 4 meses 798 de juros em 8 meses seria o dobro . ai fariamos 11400 - 1596=9800

Anônimo disse...

nem .... é 10.000 mesmo
certeza absoluta

Karen disse...

cansadinha...matemática no blog dos concurseiros....em breve

Gloria disse...

Ocorre que na primeira aplicação, não têm o capital e nem a taxa de juro, por isto em primeiro lugar, deve-se começar o cálculo pela segunda aplicação. E nesta, o seu capital inicial é o montante da primeira. Então fica assim:

J= C.i.t

798 = 11400.i.4

então i = 0,0175 ( que é a mesma taxa que deve ser aplicada na primeira aplicação)

Voltando a 1ª aplicação, temos:

M = C.(1 + i.t)

11400 = C.( 1 + 0,0175.8)

11400 = C.1,14

logo c = 11400/1,14 que é:

10000,00

espero ter ajudado, qualquer dúvida, pergunte novamante