segunda-feira, 14 de janeiro de 2008

CPMF

A notícia abaixo confirma a tese de que a CPMF não interfere nos estados-membros da União, uma vez que a nomeação de 200 Escreventes implica em aumento de despesa superior a R$ 600.000,00.

Vale lembrar que no mês passado foram nomeados outros 200 Escreventes, só na Capital.

3 comentários:

alexandre disse...

...será que vem mais por aí!!?...estou em 1114º, tomara!

kkha disse...

Professor Douglas, pq será que demora tanto para nomear escreventes no interior?

Anônimo disse...

É...parece que a CPMF não fez tanta falta assim mesmo... Acaba de passar no JN que o Lula vai investir 1 bilhão em Cuba... Opaa...deve estar sobrando por aqui. Um país tão rico como o nosso...pffff