sábado, 28 de fevereiro de 2009

Participação Especialíssima: Alexandre Mantovani

O Segredo da Parceria

Olá, pessoal! A convite do meu nobre e honroso professor Milton Douglas, estou por aqui pra conversarmos um pouco sobre um tema que tem sido, na verdade, uma grande preciosidade, que é a parceria entre o aluno e o professor, muito importante também para a aprovação.

Quando falamos de estudo, de um modo geral, logo nos vêm à mente livros, muitos livros, cadernos, apostilas, etc. Só que por trás destas coisas, por trás de um grande aprendizado há sempre um caminho mútuo de troca de conhecimentos. Nos concursos, assim como em vestibulares, seja onde for, é exatamente isto que acontece entre o aluno e seu professor.

Vejam este blog, por exemplo: retrata o esforço e a dedicação de um “aluno da vida” e a de um professor consciente, por assim dizer, que discute e apresenta, de forma ou de outra, com seus alunos, questões relevantes para que estes acertem “o alvo” sempre, ou pelo menos, na maioria das vezes. Pura relação de PARCERIA. Há troca de informações, de conhecimentos, de valores.

A época da “Educação Bancária”, modelo em que os educandos são meros depositários e o educador aquele que deposita informações na “cachola” daqueles, tolhendo-os de senso crítico pode, perfeitamente, vir a se tornar coisa do passado. E creio que estejamos lutando para isto, não somente prestando concursos, mas em qualquer relação entre estas duas “figuras acadêmicas”. Está acontecendo muito melhor que isto; a comunicação está vencendo, modelando o ensino, salvando o aprendizado, tornando o futuro do aluno e do professor cada vez mais significativo, frente à cobrada gama de informações, seja a cada concurso, seja a cada prova de Vestibular, a cada exame, de uma forma geral.

Portanto, queridos amigos de batalha, vim somente pra lembrar de nunca nos esquecermos desta relação tão produtiva pra nós, professores ou alunos que sejamos, pois a grande verdade é que, embora relativa seja a condição de aluno ou de professor, sólida é a questão que se tornou absoluta, quando existente: A MAGNÍFICA PARCERIA ENTRE ELES.

Bons estudos e aproveitem esta parceria ao máximo!!!

Um grande abraço,

Alexandre Mantovani

Música de Sábado de Sol....



jack johnson - better together (live)

Palavras Perdidas

Refestelar:

Recostar-se de forma acomodada; repousar de forma reclinada;

Fisiologismo:

Atitude ou prática (de políticos, funcionários públicos, etc.) caracterizada pela busca de ganhos ou vantagens pessoais, em lugar de ter em vista o interesse público

Tegiversar:

Procurar rodeios, evasivas; usar de subterfúgios

Falácia:

Afirmação falsa ou errônea.

Clientelismo:

Tipo de relação política em que uma pessoa (o patrão) dá proteção a outra (o cliente) em troca de apoio, estabelecendo-se um laço de submissão pessoal que, por um lado, não depende de relações de parentesco e, por outro, não tem conotação jurídica

Afasia:

Filos. No cepticismo (q. v.), suspensão de pronunciamento referente à verdade ou à falsidade de qualquer coisa.

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Aos céticos, incrédulos e pessimistas... Aos felizes, animados, estudiosos e confiantes: Um Bom Concurso Novo!

Concurso Público para ASSISTENTE TÉCNICO-ADMINISTRATIVO do Ministério da Fazenda

Cargo: Assistente Técnico-Administrativo

Escolaridade:Ensino médio concluído ou equivalente


Remuneração: Até R$ 2.792,42


Nº de vagas: 2.000 (duas mil), distribuídas por Unidades da Federação e DF, conforme Edital regulador.


Taxa de inscrição: R$ 62,00 (sessenta e dois reais)


Período de inscrição: Entre 10 horas do dia 09 e 18 horas do dia 20 de março de 2009


Data provável de realização das provas: 26 de abril de 2009

Conteúdo Programático - AssistenteTécnico-Administrativo do Ministério da Fazenda

ANEXO I

PROGRAMA

LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Compreensão textual. 2. Ortografia. 3. Semântica. 4. Morfologia. 5. Sintaxe. 6. Pontuação.

RACIOCÍNIO LÓGICO-QUANTITATIVO: 1. Estruturas lógicas. 2. Lógica de argumentação. 3. Diagramas lógicos. 4. Álgebra linear. 5. Probabilidades. 6. Combinações.

INFORMÁTICA BÁSICA: 1. Conceitos básicos. Hardware e Software. 2. Ferramentas básicas: Sistema Operacional Windows e Linux, BrOffice, Processador de Textos Word e Planilha Eletrônica Excel. 3. Conceitos de Internet: e-mail e navegadores. 4. Conceitos de Tecnologia da Informação: Sistemas de Informações, Conceitos básicos de Segurança da Informação e de Software Livre. 5. Redes de Computadores: Conceitos básicos.

DIREITO ADMINISTRATIVO E DIREITO CONSTITUCIONAL: Administrativo: 1. Lei nº. 8.112/90. 2. Teoria Geral do Ato Administrativo: conceitos, classificação, espécies, elementos, requisitos e atributos e convalidação do ato administrativo. 3. Poderes da Administração. 4. Discricionariedade e Vinculação. 5. Processo Administrativo, Lei nº. 9.784/99. 6. Código de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal, instituído pelo Decreto nº. .171, de 22/06/94. 7. Lei nº 8.137, de 27 de dezembro de 1990: Capítulo I, Seção II - Dos crimes contra a Ordem Tributária praticados por Funcionários Públicos. 8. Lei nº 8.429, de 02 de junho de 1992 - Dispõe sobre a Improbidade Administrativa. 9. Portaria SRF nº 782, de 20 de junho de 1997, artigos 23 a 30 - Da responsabilidade pelo Acesso Imotivado pelo Servidor aos Sistemas Informatizados da Secretaria da Receita Federal. Constitucional: 10. Os poderes do Estado e as respectivas funções. 11. Normas Constitucionais. 12. Controle de Constitucionalidade de Atos Normativos. 13. Poder constituinte. 14. Princípios constitucionais. 15. Análise do princípio hierárquico das normas. 16. Princípios fundamentais da CF/88. 17. Direitos e garantias fundamentais. 18. Organização político-administrativa do Estado. 19. Administração Pública na CF/88. 20. Organização dos Poderes. O Poder Legislativo. O Poder Executivo e o Poder Judiciário.

CONHECIMENTOS BÁSICOS DE DIREITO: Tributário: 1. Tributo: conceito e classificação. 2. Limitações constitucionais do poder de tributar. 3. Tributos de competência da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios. 4. Obrigação tributária principal e acessória. 5. Fato gerador da obrigação tributária. 6. Sujeição ativa e passiva. 7. Capacidade tributária. 8. Domicílio tributário. 9. Crédito tributário: conceito e constituição. 10. Lançamento: conceito e modalidades de lançamento. 11. Hipóteses de alteração do lançamento. 12. Suspensão da exigibilidade do crédito tributário. 13. Extinção do crédito tributário e suas modalidades. 14. Exclusão do crédito tributário e suas modalidades. 15. Administração tributaria: fiscalização; dívida ativa; certidão negativa. Previdenciário: 16. Seguridade social. 16.1. Conceituação. 16.2. Organização e princípios constitucionais. 17. Regime Geral de Previdência Social. 17.1. Segurados obrigatórios. 17.2. Conceito, características e abrangência: empregado, doméstico, contribuinte individual, trabalhador avulso, segurado especial. 17.3. Segurado facultativo: conceito, características. 17.4. Trabalhadores excluídos do Regime Geral. 18. Empresa e empregador doméstico: conceito previdenciário. 19. Financiamento da seguridade social. 19.1. Receitas da União. 19.2. Receitas das contribuições sociais: dos segurados, das empresas, do empregador doméstico, do produtor rural, do clube de futebol profissional, sobre a receita de concursos de prognósticos, receitas de outras fontes. 19.3. Salário-de-contribuição. 19.3.1. Conceito. 19.3.2. Parcelas integrantes e parcelas não-integrantes. 19.3.3. Proporcionalidade. 19.4. Arrecadação e recolhimento das contribuições destinadas à seguridade social. 19.4.1. Obrigações da empresa e demais contribuintes. 19.4.2. Prazo de recolhimento. 19.4.3. Recolhimento fora do prazo: juros, multa. 19.4.4. Obrigações acessórias. 20. Retenção e Responsabilidade solidária: conceitos, natureza jurídica e características. 21. Reembolso de pagamento.

Quadro de Vagas - Assistente Administrativo

Unidades da Nº de vagas

Federação - Ampla concorrência - Portador de deficiência - Total

AC 11 1 12
AL 29 2 31
AM 24 2 26
AP 9 1 10
BA 116 7 123
CE 57 4 61
DF 106 6 112
ES 61 4 65
GO 53 3 56
MA 31 2 33
MG 206 11 217
MS 23 2 25
MT 37 2 39
PA 44 3 47
PB 43 3 46
PE 84 5 89
PI 21 2 23
PR 87 5 92
RJ 214 12 226
RN 47 3 50
RO 28 2 30
RR 8 1 9
RS 102 6 108
SC 69 4 73
SE 19 1 20
SP 349 19 368
TO 8 1 9
Total 1886 114 2.000

Clique aqui para o edital completo.

Salve o Dia do Idoso

Hoje é comemorado o Dia do Idoso.

Parabéns pelas conquistas obtidas com o Estatuto do Idoso.

TJSP - NOMEAÇÕES INTERIOR - ESCREVENTE

Atenção às nomeações do dia:

Taubaté: João Paulo, 13º colocado;

São José dos Campos: Watusi, 4º colocado;

Campinas: Paulo Eduardo, Adriana, Edmilson e Lucinard, 45º colocado;

Araçatuba: Juliane e Ricardo, 8º colocado;

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

Depoimento de Aluno Aprovado, Nomeado e Empossado - Estou Muito Feliz!

Olá, professor!

Estou aqui para dividir com você e todos os leitores um momento de magia que deu início a um 2009 maravilhoso em minha vida!

Em primeiro lugar gostaria de dizer que tenho seguido seu blog há algum tempo e ele tem sido minha fonte de referência e inspiração desde que comecei a prestar concursos do Poder Judiciário. Inspiração porque todos nós que nos preparamos para concursos públicos temos momentos de altos e baixos. E nos momentos mais difíceis, eu abria o seu blog e me enchia de força para seguir em frente com meus sonhos e não desanimar. Referência porque é um excelente guia informativo que nos auxilia desde a publicação do edital até a nomeação. E é deste último momento que gostaria de falar: o momento da nomeação.

Quando prestei o concurso do Tribunal de Justiça/Escrevente-Capital-2007, estava estudando em média 5h/dia, mais o cursinho que fazia todas as noites. Não me lembro quantos finais de semana dediquei aos estudos, mas foram muitos. Minha família achava que eu estava exagerando e não era preciso tanto. Mas, meu interior sempre dizia: preciso estudar mais para ser nomeada.

Ao ver minha classificação final do concurso (930ª), fiquei desanimada, mas não desisti e continuei estudando e prestando novos concursos (TJ Bragança Paulista, INSS e TRT 2ª região). Passei nesses últimos também, mas não com a classificação tão almejada. Então, comecei a questionar se havia feito a opção certa em estudar para concursos, pois pedi demissão de uma empresa só para me dedicar aos estudos e tinha medo de ter arriscado demais.

Para minha surpresa, em 13/01/09, abri o blog e vi a publicação de minha nomeação para escrevente-capital (TJ). Fiquei tão feliz que não sabia se ria, chorava ou gritava para o mundo todo o quanto vale a pena lutarmos por um ideal, seja ele do tamanho que for!!! Um dia chega a nossa vez e a minha, finalmente, chegou!!!!
Passado o momento de euforia, começam os preparativos para tomar posse. Após uma série de procedimentos (apresentação documentos, perícia médica etc), tomei posse em 12/02/09 e entrei em exercício em 13/02 no Fórum da Barra Funda, 6ª Vara Criminal.
Estou muito feliz lá porque considero a área criminal uma das mais interessantes no TJ.Além disso, estou atuando na Sala de Audiências, onde posso ver, na prática, aquilo que estudei nos cursinhos.Percebo, agora, quão importante foi estudar as matérias de Português, Código Penal, Código Processual Penal, Normas da Corregedoria e, principalmente, digitação, conteúdos tão explorados no dia-a-dia de um escrevente!

Quanto ao clima de trabalho, os colegas têm sido muito gentis e pacientes comigo. E, acreditem, eles ficam extremamente felizes quando nós chegamos para tomar posse, pois o volume de serviços é bem grande.

Por esse motivo, acredito que ainda serão chamados muitos escreventes do último concurso.

Professor, gostaria de encerrar este depoimento agradecendo seu trabalho e dedicação, desejando a todos sucesso nos estudos, muita garra, determinação e, principalmente, a confiança de que todo esforço traz resultados quando lutamos por algo que realmente desejamos.

Um abraço e boa sorte para todos!
Rosicler Silva Roso
(Campinas-SP)

Simone Hartmann

O contato da Simone é

simonehartmann@hotmail.com

Música da Noite



Cake - I Will Survive

Eu Vou Vencer...!

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

Concurso Novo? Em breve....

O Banco Central aguarda autorização para realização do concurso com as seguintes vagas:

Veja quadro de vagas

Cargo Vagas Requisitos Vencimentos

Técnico 150 Nível médio R$4.887,27

Analista 350 Nível superior R$10.905,76

Procurador 20 Nível superior em Direito R$14.049

Alguma observação?

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

Oficial de Justiça do TJSP?

Para saber mais, clique aqui.

Não se pode olvidar...

"O fato é que o gênio preguiçoso dificilmente passa em concurso. Acaba perdendo a vez para alguém mais esforçado."

"As bancas examinadoras tendem a exigir muito mais dedicação à assimilação do conteúdo programático (em geral, colossal) do que inteligência."

Ricardo J. Ferreira - Editora Ferreira

A preguiça...

Em tempos de Carnaval, vale lembrar que

"a preguiça é o maior dos males que exigem menos esforço"

Falando em digitação...

O Blog do Professor Fabio (coluna lateral direita abaixo) noticia que ficou definida a dispensa da prova de digitação para o anunciado concurso do TRT da 15ª Região.

Ao que parece, esta alteração no concurso é a razão pela qual o edital não foi publicado. Nada obstante, o presidente do TRT15 em exercício nada disse a respeito da previsão de abertura do concurso, ao menos na ocasião.

Concurso Novo: Detran/SP

Como dissemos alhures, o concurso novo para o Detran SP estava em fase de elaboração do edital, na semana passada.

Na sexta-feira, veio a lume as regras do certame, que são:

- vagas: 1.733 oficiais administrativos

- local de trabalho: 159 postos do Detran na Capital e 61 cidades no interior

- R$ 685,00 - remuneração inicial

- inscrições até 6 de março p.f., 16h00

- taxa: R$ 34,87

- matérias: língua portuguesa, legislação aplicada, atualidades e noções de informática, além de teste de digitação.

- DISCIPLINAS E CONTEÚDOS DO PROGRAMA
I - Língua Portuguesa
1. Fonética.
2. Morfologia.
3. Sintaxe.
4. Semântica.
5. Estilística.
6. Pontuação.
7. Compreensão de textos.
II - Legislação Aplicada
1. Constituição da República: arts. 1º a 5º, 37 a 41 e 144.
2. Código de Trânsito Brasileiro (Lei nº 9.503/97).
3. Código Penal (Decreto-Lei nº 2.848/40): arts. 312 a 327.
4. Estatuto dos Funcionários Públicos Civis do Estado de
São Paulo (Lei nº 10.261/68).
5. Lei Estadual dos Usuários do Serviço Público (Lei nº
10.294/99).
6. Lei Estadual do Plano Geral de Cargos, Vencimentos e
Salários (Lei Complementar nº 1.080/08).
III - Atualidades - nacionais e internacionais
1. Políticas.
2. Econômicas.
3. Científicas.
4. Sociais.
IV - Noções de Informática
1. Sistemas operacionais: instalação, configuração e operação.
2. Aplicativos: processadores de texto, planilhas eletrônicas
e bancos de dados.
3. Internet e intranet: navegadores, correio eletrônico e
transferência de arquivos.
4. Comunicação: protocolos de comunicação e redes locais
e remotas.
5. Hardware - microcomputador: configuração básica e
componentes; impressoras: classificação, noções gerais e operação;
outros periféricos

- ANEXO II - Of. Adm. 1/2009
REGIÕES E RESPECTIVO NÚMERO DE VAGAS
Região Número de vagas
A. Município de São Paulo 159
B. Municípios vinculados à:
1. Delegacia Seccional de Polícia de Adamantina 10
2. Delegacia Seccional de Polícia de Americana 52
3. Delegacia Seccional de Polícia de Andradina 16
4. Delegacia Seccional de Polícia de Araçatuba 45
5. Delegacia Seccional de Polícia de Araraquara 41
6. Delegacia Seccional de Polícia de Assis 17
7. Delegacia Seccional de Polícia de Avaré 17
8. Delegacia Seccional de Polícia de Barretos 18
9. Delegacia Seccional de Polícia de Bauru 44
10. Delegacia Seccional de Polícia de Bebedouro 10
11. Delegacia Seccional de Polícia de Botucatu 21
12. Delegacia Seccional de Polícia de Bragança Paulista 30
13. Delegacia Seccional de Polícia de Campinas 69
14. Delegacia Seccional de Polícia de Carapicuíba 35
15. Delegacia Seccional de Polícia de Casa Branca 18
16. Delegacia Seccional de Polícia de Catanduva 20
17. Delegacia Seccional de Polícia de Cruzeiro 10
18. Delegacia Seccional de Polícia de Diadema 12
19. Delegacia Seccional de Polícia de Dracena 12
20. Delegacia Seccional de Polícia de Fernandópolis 10
21. Delegacia Seccional de Polícia de Franca 40
22. Delegacia Seccional de Polícia de Franco da Rocha 15
23. Delegacia Seccional de Polícia de Guaratinguetá 15
24. Delegacia Seccional de Polícia de Guarulhos 21
25. Delegacia Seccional de Polícia de Itanhaém 10
26. Delegacia Seccional de Polícia de Itapetininga 36
27. Delegacia Seccional de Polícia de Itapeva 22
28. Delegacia Seccional de Polícia de Jacareí 15
29. Delegacia Seccional de Polícia de Jacupiranga 10
30. Delegacia Seccional de Polícia de Jales 18
31. Delegacia Seccional de Polícia de Jaú 18
32. Delegacia Seccional de Polícia de Jundiaí 41
33. Delegacia Seccional de Polícia de Limeira 25
34. Delegacia Seccional de Polícia de Lins 13
35. Delegacia Seccional de Polícia de Marília 22
36. Delegacia Seccional de Polícia de Mogi das Cruzes 38
37. Delegacia Seccional de Polícia de Mogi-Guaçu 24
38. Delegacia Seccional de Polícia de Novo Horizonte 10
39. Delegacia Seccional de Polícia de Osasco 12
40. Delegacia Seccional de Polícia de Ourinhos 17
41. Delegacia Seccional de Polícia de Piracicaba 38
42. Delegacia Seccional de Polícia de Presidente Prudente 39
43. Delegacia Seccional de Polícia de Presidente Venceslau 12
44. Delegacia Seccional de Polícia de Registro 10
45. Delegacia Seccional de Polícia de Ribeirão Preto 62
46. Delegacia Seccional de Polícia de Rio Claro 24
47. Delegacia Seccional de Polícia de Santo André 49
48. Delegacia Seccional de Polícia de Santos 43
49. Delegacia Seccional de Polícia de São Bernardo Campo 29
50. Delegacia Seccional de Polícia de São Carlos 29
51. Delegacia Seccional de Polícia de São João da Boa Vista 17
52. Delegacia Seccional de Polícia de São Joaquim da Barra 10
53. Delegacia Seccional de Polícia de São José do Rio Preto 66
54. Delegacia Seccional de Polícia de São José dos Campos 37
55. Delegacia Seccional de Polícia de São Sebastião 17
56. Delegacia Seccional de Polícia de Sertãozinho 23
57. Delegacia Seccional de Polícia de Sorocaba 61
58. Delegacia Seccional de Polícia de Taboão da Serra 19
59. Delegacia Seccional de Polícia de Taubaté 33
60. Delegacia Seccional de Polícia de Tupã 12
61. Delegacia Seccional de Polícia de Votuporanga 15

Em ritmo de Carnaval.... Música da Noite



The Doors - Light My Fire

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

Coluna da Concurseira Nomeada - SIMONE HARTMANN

TEMPO PRECIOSO

Para conquistar a tão sonhada vaga no funcionalismo público, é preciso muito empenho, dedicação e tempo. A questão é que alguns têm muito mais tempo que outros, e parece uma luta um tanto desleal.

Porém, ao analisarmos os diferentes estilos de vida dos concursandos, podemos perceber que aqueles que trabalham são os que estudam mais horas por dia. O pouco tempo que lhes sobra é dedicado ao estudo, e muitos reclamam que se não tivessem que trabalhar e estudar, já estariam aprovados em vários concursos. Será mesmo?

Depois de tanto tempo no mundo dos concursos, pude conhecer muitas pessoas, com histórias e vivências diferentes, e percebi que algumas têm muitas horas livres por dia, mas não as usam para o estudo, e sempre têm uma desculpa ou obstáculo que as impeçam de mergulhar nos livros. Tenho colegas que não estudam por estarem deprimidos, ansiosos ou desanimados. Talvez por estarem entediados, acabam por se entregar a esse marasmo dos dias sempre iguais.

Por isso, percebo que aqueles que trabalham e conhecem as dificuldades da vida desde cedo, dão sempre um jeito, nem que sejam alguns minutos por dia, para se dedicar aos livros.

Para acrescentar, independente de estar trabalhando ou não, o que falta também para algumas pessoas é força de vontade, o desejo real de conquistar um sonho, e não apenas sonhá-lo, pois, de nada vale o pensamento se não o colocamos em prática e agimos.

Finalizando, gostaria de deixar uma sábia frase do escritor Paulo Coelho que nos faz refletir sobre o assunto: "O Grande Homem sempre tem tempo".

Abraço a todos!

SIMONE HARTMANN

Apostila do Prof. Douglas e Revisão no Carnaval.

O Carnaval é uma boa época para descansar e estudar ao mesmo tempo. É possível perfeitamente aproveitá-lo para as duas coisas, especialmente para colocar os estudos em dia.

Normalmente, não há aulas no cursinho, salvo raras exceções, e nem trabalho também, pelo menos em parte do feriado. Assim é que é possível revisar tudo, estudar as próximas aulas e ainda descansar um pouco.

Nós fazemos o nosso tempo!

É uma boa oportunidade para fazer as 376 Questões de Provas Anteriores da Fundação Carlos Chagas escolhidas para concursos de TRT´s, durante ou depois da revisão de Carnaval.

A vantagem é que as questões estão organizadas por temas, o que permite ao concurseiro resolver apenas os exercícios das matérias já estudadas.

Além do mais, foram escolhidas, corrigidas, revisadas e as respostas contém minhas anotações para facilitar a compreensão do candidato.

Peça a sua pelo email:

info@professordouglas.com

Música da Noite



Caetano Veloso e Lila Downs - Burn it Blue
(trilha sonora de Frida Khalo)

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

Concurso Autorizado

PORTARIA Nº 29, DE 17 DE FEVEREIRO DE 2009

Autoriza a realização de concurso público
para o Quadro de Pessoal do Ministério da
Fazenda.

O MINISTRO DE ESTADO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO
E GESTÃO, Interino, no uso de suas atribuições e tendo
em vista a delegação de competência prevista no art. 2o do Decreto no
4.175, de 27 de março de 2002, resolve:

Art. 1º Autorizar a realização de concurso público para o
provimento de dois mil cargos de nível intermediário de Assistente
Técnico-Administrativo, do Quadro de Pessoal do Ministério da Fazenda.

Art. 2º O provimento dos cargos dependerá de prévia autorização
do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão e está
condicionado:
I - à existência de vagas na data da nomeação; e
II - à declaração do respectivo ordenador de despesa sobre a
adequação orçamentária e financeira da nova despesa com a Lei
Orçamentária Anual e sua compatibilidade com a Lei de Diretrizes
Orçamentárias, demonstrando a origem dos recursos a serem utilizados.

Art. 3º A responsabilidade pela realização do concurso público
será do Secretário-Executivo do Ministério da Fazenda, a quem
caberá baixar as respectivas normas, mediante a publicação de editais,
portarias ou outros atos administrativos.

Art. 4º O prazo para a publicação do edital de abertura do
concurso público será de seis meses, contado da data de publicação
desta Portaria.

Art. 5º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação.

(publicada hoje no diário oficial)

Música da Noite



The Cure - Just Like Heaven Live 2008

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

Concurso da Semana: Infraero - saiu o edital!

- Infraero

- vagas para técnico

- R$ 1.557,00 a R$ 2.224,00

- vagas para analista - nível superior em várias áreas

- R$ 3.012,00 a R$ 3.731,00

- inscrições até 3/4/2009

- taxa: R$ 51,37 (técnico) e R$ 66,37 (analistas)

- Fundação Carlos Chagas

Música da Noite



Marina Celeste (Nouvelle Vague): Samba Saravah
(qualquer semelhança é mera coincidência)

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

TJSP - DESISTÊNCIAS - ESCREVENTE - CAPITAL

Hoje, mais de 50 desistências foram publicadas no Diário da Justiça Eletrônico do TJSP.

Alguém está entre os próximos 50 da lista?

Prepare-se!

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

TJSP - NOMEAÇÕES CAPITAL

Está em andamento o projeto de lei abaixo copiado que prevê a criação de 1000 cargos para Escrevente Técnico da Capital.

Quantos faltam para você ser nomeado?

...

PROJETO DE LEI Nº 13, DE 2009
OFÍCIO G-752/08-DIMA 1.3



São Paulo, 29 de dezembro de 2008.



Senhor Deputado,



Tenho a honra de encaminhar a Vossa Excelência, para apreciação dos ilustres integrantes dessa Augusta Assembléia Legislativa, o incluso Projeto de Lei que dispõe sobre a criação de cargos de Escrevente Técnico Judiciário.
Aproveito a oportunidade para renovar a Vossa Excelência protestos de estima e consideração.




ROBERTO ANTONIO VALLIM BELLOCCHI
Presidente do Tribunal de Justiça




A Sua Excelência o Senhor
Deputado VAZ DE LIMA
DD. Presidente da Assembléia Legislativa
Avenida Pedro Álvares Cabral, nº 201
SÃO PAULO / SP - CEP 04097-900


PROJETO DE LEI N° DE DE DE 2008

Dispõe sobre a criação de cargos de Escrevente Técnico Judiciário para a Comarca da Capital.


O GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO:


Faço saber que a Assembléia Legislativa decreta e eu promulgo a seguinte lei:

Artigo 1º - Ficam criados no Subquadro de Cargos Públicos do Quadro do Tribunal de Justiça 1000 (mil) cargos de Escrevente Técnico Judiciário, na Tabela I, SQC-III, enquadrados na Referência 12 da Escala de Vencimentos – Nível Intermediário, para atender a estrutura da Comarca da Capital.

Artigo 2º - As despesas resultantes da aplicação desta lei correrão à conta de dotações orçamentárias, consignadas no Orçamento-Programa vigente, suplementadas se necessário.

Artigo 3º - Esta lei entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.


Palácio dos Bandeirantes, aos


JOSÉ SERRA
Governador do Estado de São Paulo




JUSTIFICATIVA


A proposta legislativa ora submetida à Augusta Casa de Leis objetiva a criação de cargos de Escrevente Técnico Judiciário para atendimento do dimensionamento da atividade jurisdicional.

Considerando que a função-atividade não gera vaga para provimento do cargo de Escrevente Técnico Judiciário e , considerando o informado pela Secretaria de Recursos Humanos do Tribunal de Justiça de que apenas no exercício de 2007 foram publicadas cerca de 500 aposentadorias, e desse total 50% eram exercentes de função-atividade, faz-se necessária a criação de mais cargos para atender à estrutura da Comarca da Capital.

Também há que se ressaltar as instalações de novos Juizados na Comarca da Capital, bem como a criação de setores de apoio para atender à demanda existente.

Finalmente, oportuno enfatizar a legitimidade da competência de iniciativa exclusiva da propositura do projeto, nos termos do artigo 24 § 4º itens 1 e 2 da Constituição do Estado, cuja elaboração atende às necessidades do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo.




ROBERTO ANTONIO VALLIM BELLOCCHI
Presidente do Tribunal de Justiça


....

EXTRATO DO ANDAMENTO DO PROJETO DE LEI NA ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DE SÃO PAULO


Documento
Projeto de lei
No Legislativo

13 / 2009

Ementa
Dispõe sobre a criação de cargos de Escrevente Técnico Judiciário para a Comarca da Capital.
Regime

Tramitação Ordinária

Indexação
ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA, CAPITAL, CARGO, ESCREVENTE TÉCNICO JUDICIÁRIO (CA, PODER JUDICIÁRIO, SÃO PAULO (CAPITAL), TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO

Autor(es)
Tribunal de Justiça

Apoiador(es)
Situação Atual
Último andamento 12/02/2009 Pauta de 5ª sessão.

Andamento
Data
Descrição

04/02/2009
Publicado no Diário da Assembleia, página 52 em 04/02/2009

05/02/2009
Pauta de 1ª sessão.

06/02/2009
Pauta de 2ª sessão.

09/02/2009
Pauta de 2ª sessão.

10/02/2009
Pauta de 3ª sessão.

11/02/2009
Pauta de 4ª sessão.

12/02/2009
Publicado Requerimento, do Deputado Campos Machado e outros, solicitando tramitação em regime de urgência. (DA p.51)

12/02/2009
Pauta de 5ª sessão.

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

Música da Noite



BAUHAUS - Bela Lugosi is Dead

(para quem não se lembra, Peter Murphy era o vocalista do inesquecível e inconfundível Bauhaus)

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

Concurso Novo: Detran/SP

- Detran/SP

- 1.495 vagas confirmadas

- R$ 602,00

- a última prova foi assim: 20 questões de português, 10 de matemática, 10 de conhecimentos gerais e 10 de informática.

- organização: Academia de Polícia de São Paulo

- fase de elaboração do edital

Música da Noite



PETER MURPHY - INDIGO EYES
(sábado no Via Funchal em SP)

Apostilas de Exercícios de Direito Constitucional

Há um comentário geral de que o edital do TRT da 15ª Região - Campinas - seguirá o programa do TRT da 2ª Região - São Paulo - quer pela proximidade quer por estar este mais atualizado que aquele.

Por isso, chegaram mais apostilas minhas de 376 Questões de Direito Constitucional, elaboradas pela Fundação Carlos Chagas, corrigidas, justificadas ou comentadas por mim, seguindo os pontos do edital do TRT2.

Vale dizer que escolas como o Unicursos de Campinas e São José dos Campos passaram a adotar o edital do TRT2 como referência para os seus cursos em 2009.

Mais informações:
info@professordouglas.com

Veja, ainda, os comentários de quem já possui a apostila na barra lateral vermelha, logo abaixo.

CONCURSO NOVO: A BIG CHANCE

Talvez, uma das grandes chances do ano para o nível médio seja o concurso abaixo:

- Receita Federal

- técnico administrativo

- 2000 vagas

- escolaridade: 2º grau

- vencimentos: R$ 2.590,00

- concurso autorizado e confirmado

- edital previsto para julho/09

Pergunta do dia:

O que vocês acham que irá cair neste concurso?

INSS - NEWS

O ESTADO DE SÃO PAULO de hoje, pág. A4, traz a seguinte notícia:

Ministério vai abrir mais 720 agências do INSS. O Ministro da Previdência anunciou ontem a abertura de 720 agências do INSS em cidades com mais de 20 mil habitantes...

Novos Cargos? Nomeações? Concursos?

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

TJSP NOMEAÇÕES INTERIOR

Hoje foram publicadas novas nomeações para o interior de São Paulo.

Os nomeados hoje são o 2° lugar em Sorocaba, o 3° lugar em Itanhaem, o 2° lugar em São Bernardo do Campo, o 6° lugar em Piracicaba e o 64° lugar em Guarulhos.

Foram poucas nomeações, é verdade, mas a fila, pelo menos, continua andando. Não se pode olvidar que Guarulhos é um concurso mais antigo e por isso já foram chamados 64.

É isso aí.

Boa semana.

EDITAL DO TRT15: Conteúdo Programático?

O que será que vai cair no edital do TRT 15?

Primeiro: será a Fundação Carlos Chagas ou a CESPE?

Depois, o edital do TRT-ES tem como matérias básicas:

LÍNGUA PORTUGUESA: 1 Compreensão e interpretação de textos. 2 Tipologia textual. 3 Ortografia oficial. 4 Acentuação gráfica. 5 Emprego das classes de palavras. 6. Emprego do sinal indicativo de crase. 7 Sintaxe da oração e do período. 8 Pontuação. 9. Concordância nominal e verbal. 10 Regência nominal e verbal. 11 Significação das palavras. 12 Redação de correspondências oficiais.

ATUALIDADES: Domínio de tópicos atuais e relevantes de diversas áreas, tais como política, direito, economia, sociedade, educação, tecnologia, energia, relações internacionais, desenvolvimento sustentável, segurança, artes e literatura, e suas vinculações históricas.

RACIOCÍNIO LÓGICO: 1 Compreensão de estruturas lógicas. 2 Lógica de argumentação; analogias, inferências, deduções e conclusões. 3 Diagramas lógicos. 4. Princípios de contagem e probabilidade.

É bom se preparar para gabaritar Português. Depois, é prudente acompanhar os fartos noticiários, especialmente políticos e internacionais. Quem tem dificuldade com matemática e raciocínio lógico também não pode olvidar tais matérias.

Mais as matérias específicas para técnico administrativo:

CARGO 12: TÉCNICO JUDICIÁRIO – ÁREA: ADMINISTRATIVA: I NOÇÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL. 1 Constituição: princípios fundamentais. 2 Da aplicabilidade das normas constitucionais: normas de eficácia plena, contida e limitada; normas programáticas. 3 Dos direitos e garantias fundamentais: dos direitos e deveres individuais e coletivos; dos direitos sociais; dos direitos de nacionalidade; dos direitos políticos. 4 Da organização político-administrativa: das competências da União, Estados e Municípios. 5 Da Administração Pública: disposições gerais; dos servidores públicos. 6 Do Poder Executivo: das atribuições e responsabilidades do presidente da república. 7 Do Poder Legislativo: do processo legislativo; da fiscalização contábil, financeira e orçamentária. 8 Do Poder Judiciário: disposições gerais; do Supremo Tribunal Federal; do Superior Tribunal de Justiça; dos Tribunais Regionais Federais e dos Juízes Federais; dos Tribunais e Juízes do Trabalho. 9 Das funções essenciais à Justiça: do Ministério Público; da Advocacia Pública; da Advocacia e da Defensoria Públicas.

II NOÇÕES DE DIREITO ADMINISTRATIVO. 1 Administração pública: princípios básicos. 2Poderes administrativos: poder hierárquico e poder disciplinar. 3 Serviços Públicos: conceito e princípios. 4 Ato administrativo: conceito, requisitos e atributos; anulação, revogação e convalidação; discricionariedade e vinculação. 5 Contratos administrativos: conceito e características. 6 Licitação: princípios, modalidades, dispensa e inexigibilidade. 7 Servidores públicos: cargo, emprego e função públicos. 8 Lei n.º 8.112/90 (Regime Jurídico dos Servidores Públicos Civis da União): das disposições preliminares; do provimento, vacância, remoção, redistribuição e substituição. Dos direitos e vantagens: do vencimento e da remuneração; das vantagens; das férias; das licenças; dos afastamentos; do direito de petição. Do regime disciplinar: dos deveres e proibições; da acumulação; das responsabilidades; das penalidades. 9 Processo administrativo (Lei n.° 9.784/99): das disposições gerais; dos direitos e deveres dos administrados. 10 Lei n.º 8.429/92: das disposições gerais; dos atos de improbidade administrativa.

III NOÇÕES DE DIREITO DO TRABALHO. 1 Dos princípios e fontes do Direito do Trabalho. 2 Dos direitos constitucionais dos trabalhadores (art. 7º da CF/88). 3 Da relação de trabalho e da relação de emprego: requisitos e distinção. 4 Dos sujeitos do contrato de trabalho stricto sensu: do empregado e do empregador: conceito e caracterização; dos poderes do empregador no contrato de trabalho. 5 Do contrato individual de trabalho: conceito, classificação e características. 6 Da alteração do contrato de trabalho: alteração unilateral e bilateral; o jus variandi. 7 Da suspensão e interrupção do contrato de trabalho: caracterização e distinção. 8 Da rescisão do contrato de trabalho: das justas 33 causas; da despedida indireta; da dispensa arbitrária; da culpa recíproca; da indenização. 9 Do aviso prévio. 10 Da duração do trabalho; da jornada de trabalho; dos períodos de descanso; do intervalo para repouso e alimentação; do descanso semanal remunerado; do trabalho noturno e do trabalho extraordinário. 11 Do salário-mínimo; irredutibilidade e garantia. 12 Das férias: do direito a férias e da sua duração; da concessão e da época das férias; da remuneração e do abono de férias. 13 Do salário e da remuneração: conceito e distinções; composição do salário; modalidades de salário; formas e meios de pagamento do salário; 13º salário. 14 Da prescrição e decadência. 15 Da segurança e medicina no trabalho: das atividades perigosas ou insalubres. 16 Da proteção ao trabalho do menor. 17 Da proteção ao trabalho da mulher; da estabilidade da gestante; da licença-maternidade. 18 Do direito coletivo do trabalho: das convenções e acordos coletivos de trabalho. 19 Das comissões de Conciliação Prévia.

IV NOÇÕES DE DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO. 1 Da Justiça do Trabalho: organização e competência. 2 Das Varas do Trabalho e dos Tribunais Regionais do Trabalho: jurisdição e competência. 3 Dos serviços auxiliares da Justiça do Trabalho: das secretarias das Varas do Trabalho e dos distribuidores. 4 Do processo judiciário do trabalho: princípios gerais do processo trabalhista (aplicação subsidiária do CPC). 5
Dos atos, termos e prazos processuais. 6 Da distribuição. 7 Das custas e emolumentos.
8 Das partes e procuradores; do jus postulandi; da substituição e representação processuais; da assistência judiciária; dos honorários de advogado. 9 Das exceções. 10 Das audiências: de conciliação, de instrução e de julgamento; da notificação das partes; do arquivamento do processo; da revelia e confissão. 11 Das provas. 12 Dos dissídios individuais: da forma de reclamação e notificação; da reclamação escrita e verbal; da legitimidade para ajuizar. 13 Do procedimento ordinário e sumaríssimo. 14 Da sentença e da coisa julgada; da liquidação da sentença: por cálculo, por artigos e por arbitramento. 15 Da execução: da citação; do depósito da condenação e da nomeação de bens; do mandado e penhora. 16 Dos embargos à execução. 17 Da praça e leilão; da arrematação; da remição; da custas na execução. 18 Dos recursos no processo do trabalho.

V NOÇOES DE DIREITO CIVIL. 1 Lei. Vigência. Aplicação da lei no tempo e no espaço. 2 Integração e interpretação da lei. 3 Lei de Introdução ao Código Civil. 4 Das Pessoas: das pessoas naturais: personalidade, capacidade, direitos de personalidade;
das pessoas jurídicas. 5 Do Domicílio. 6 Fatos e atos jurídicos: forma e prova dos atos jurídicos; nulidade e anulabilidade dos atos jurídicos; atos jurídicos ilícitos; abuso de direito; prescrição e decadência.

VI NOÇÕES DE DIREITO PROCESSUAL CIVIL. 1 Da jurisdição e da ação: conceito, natureza e características; das condições da ação. 2 Das partes e procuradores: da capacidade processual e postulatória; dos deveres e da substituição das partes e procuradores. 3 Do litisconsórcio e da assistência. 4 Do Ministério Público. 5 Da competência: em razão do valor e da matéria; da competência funcional e territorial; das modificações de competência e da declaração de incompetência. 6 Do Juiz. 7 Dos atos processuais: da forma dos atos; dos prazos; da comunicação dos atos. 8 Da formação, suspensão e extinção do processo. 9 Dos procedimentos ordinário e sumário. 10 Do procedimento ordinário: da petição inicial: requisitos, pedido e indeferimento. 11 Da resposta do réu: contestação, exceções e reconvenção. 12 Da revelia. 13 Do julgamento conforme o estado do processo. 14 Das provas: do ônus da prova; do depoimento pessoal; da confissão; das provas documental e testemunhal. 15 Da audiência: da conciliação e da instrução e julgamento. 16 Da sentença e da coisa julgada. 17 Da liquidação e do cumprimento da sentença. 18 Da ação rescisória. 19 Dos recursos: das disposições gerais. 20 Do processo de execução: 34
da execução em geral.

VII REGIMENTO INTERNO DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO
DA 17ª. REGIÃO.

Será que tudo isso vai cair no TRT 15?

Música da Noite



PETER MURPHY - CUTS YOU UP
(ele fará show no Via Funchal neste sábado; estaremos lá)

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

TJSP: CONCURSEIRA NOMEADA - A PERÍCIA MÉDICA

A PERÍCIA MÉDICA E ENTREGA DO LAUDO

Olá leitores assíduos do blog! Estou novamente escrevendo sobre a experiência da nomeação, mas desta vez em relação ao dia da perícia e a entrega do laudo, conforme eu havia prometido.

Depois da entrega dos documentos no RH é agendado o dia da perícia, que no meu caso foi para quase duas semanas após a entrega dos documentos.

Durante esse período muitas dúvidas surgiram e as emoções de alegria foram substituídas pelo terrorismo criado em torno do dia da perícia. Ouvi muitas histórias sobre pessoas que foram consideradas inaptas por doenças e cirurgias antigas que em nada influenciavam na vida atual. Então começaram surgir dúvidas: Contar toda a verdade sobre o histórico médico? Omitir informações? Mentir? Importante informar que quando pequena passei por cirurgia médica por apendicite, por isso as minhas indagações e dúvidas.

Questionei várias pessoas a respeito disso, e como já esperava, obtive várias opiniões diferentes, enquanto isso, eu quase enlouquecia com o terrorismo que se pairou sobre mim em relação à perícia.

Mas vamos aos fatos. A perícia foi marcada para as 7hs e por ser muito cedo, fui para São Paulo no domingo e fiquei na casa de uma amiga. No dia da perícia, acordei cedo e tomei um táxi até o DPME. Cheguei no local as 6:30hs da manhã e lá já tinha uma enorme fila, do lado externo do local, com pessoas que iriam fazer perícia médica para ingresso, bem como outras pessoas, funcionários públicos em geral, efetuando perícias para afastamento.

Por volta das 6:50hs uma funcionária do DPME passou na fila verificando o que as pessoas fariam e separando-as. As 7hs o DPME abriu e, na nova fila que foi formada, entramos na ordem de chegada. Fomos direcionados para uma sala onde, após apresentar o RG, preenchemos um formulário com vários questionamentos sobre a saúde, tais como: Fuma? Bebe? Quais as doenças que lhe ocorreram nos últimos 5 anos? Já fez alguma operação? Utiliza algum medicamento habitualmente? Vai ao médico habitualmente? Já foi afastado? Entre outras. Para as mulheres tem um questionário extra no fim do formulário sobre o ciclo menstrual, ginecologista, cirurgias mamárias e de útero, entre outras perguntas.

Durante o preenchimento surgiram novamente as dúvidas. Responder ou omitir? Eu optei por responder todas corretamente. Claro sem necessidade de dar mínimos detalhes. Mas coloquei que já tinha sido operada e apenas especifiquei do que se tratava a mesma.

Após o preenchimento do formulário fomos encaminhados na ordem inicial de chegada para o primeiro andar. Lá a fila foi divida em três. Cada uma delas foi colocada na porta de um médico.

Eu passei primeiro pela oftalmologista. Entrei, ela mandou eu me sentar tampar o olho esquerdo e ler uma linha daquele famoso “quadro de letrinhas”, depois tampei o olho direito e fiz o mesmo na linha de cima. Após isso ela me dispensou e pediu que aguardasse do lado de fora.

Fiquei aguardando mais uns 10 minutos sentada, quando a moça que estava organizando me chamou para outra fila na porta do médico de clinica geral. Nessa hora a ordem de chegada já não existia mais. Era a ordem em que ela pegava o prontuário na sala dos médicos.

Fui então chamada pelo médico. Entrei, cumprimentei-o (não obtive resposta) e me sentei na cadeira em frente à mesa. Ele então passou a ler as respostas do meu formulário e ao mesmo tempo tirava minha pressão (não do modo antigo, mas com aquela “maquininha” de pulso, não sei o nome correto dela).

Ele então perguntou minha altura, meu peso, começou a fazer umas anotações. E não fez qualquer questionamento sobre a minha cirurgia.

No fim perguntou qual costumava ser a minha pressão e após eu responder que era 12/8 ele disse que minha pressão estava alta (15/10). Ai eu disse então que não sabia o porquê tinha dado tão alta, questionei se tinha sido pelo fato de carregar peso com o braço direito (dizem que isso altera a medição da pressão), ele não respondeu, considerou-me apta e pediu para aguardar do lado de fora.

Como se verifica os médicos não são muito comunicativos e nem simpáticos, afinal ficam o dia todo lidando com pessoas portadoras de várias doenças diferentes e normalmente insatisfeitas com a vida por conta de seus problemas.

Assim, fiquei novamente esperando ser chamada. Por volta das 08h30min ou 09h os homens foram dispensados e as mulheres deveriam aguardar a chegada da médica ginecologista. A médica chegou por volta das 10h, se não me engano.

Fui chamada pela médica, adentrei a sala dela e ela com um sorriso grande, uma das únicas, deu-me um grande bom dia e pediu para me sentar. Perguntou então se eu tinha feito alguma cirurgia no útero ou nas mamas, pediu meu exame de papanicolau, que havia feito há 8 meses atrás, e após mencionou que faria exame físico.

Ela verificou então se haviam marcas de cirurgia nas mamas e na altura do útero, foi quando viu a marca da minha cirurgia e perguntou o que era. Informei que era de apendicite, ela deu-se por satisfeita. Assinalou como apta no relatório e me deu os parabéns pelo ingresso no Tribunal. Dispensou-me e pediu para aguardar, mais uma vez, do lado de fora.

Por volta das 10h30min me chamaram no balcão do primeiro andar, e uma outra funcionária me dispensou explicando que o laudo ficaria pronto no dia 04/02, quarta-feira, e que eu poderia pega-lo das 14 as 16 h.

Retornei então no dia 04/02 ao DPME, por volta das 14h50min, peguei o laudo e levei no RH na Consolação. O laudo deve ser entregue no mesmo dia e que você o retira do DPME.

Importante ressaltar que nesse dia eu fui de carro, mas confesso que não compensa, além de ser difícil de chegar aos locais, o trânsito não ajuda muito, e acaba levando mais tempo do que se tivesse ido de metrô.

Chegando ao RH peguei a senha e fiquei aguardando, havia 15 pessoas na minha frente quando cheguei, e aguardei por volta de 1h30m até ser chamada.

Entreguei os documentos pendentes à funcionária e o laudo médico. Ela pediu que eu certificasse no verso do laudo que havia recebido o mesmo naquele dia e depois me deu um papel para tomar ciência do local e data da posse, cuja cópia foi me entregue.

Como vocês puderam verificar a perícia não é um bicho de sete cabeças, é tranqüila e não fiquei sabendo de ninguém que foi considerado inapto. Portanto, não há motivos para terrorismo e medo.

A posse ficou então marcada para o dia 11/02, quarta-feira que vem. Agora estou mais tranqüila, mas ainda ansiosa pelo inicio dessa nova atividade.

Bem, é isso! Espero ter dirimido algumas dúvidas e tranqüilizado a maioria dos futuros nomeados.

Força para todos! Até a próxima!

Priscila Sampaio

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

PERGUNTA DO DIA (TRT15)

- Quando sairá o edital do TRT 15 técnico e analista?

- Qual será o programa do concurso? Idêntico ao último concurso do TRT15, igual ao do TRT2 ou seguirá o conteúdo do novíssimo TRT do Espírito Santo?

Participe!

NOVO CONCURSO - EM BREVE

- AGÊNCIA REGULADORA DE SANEAMENTO E ENERGIA DO ESTADO DE SÃO PAULO

- edital previsto para segunda quinzena de fevereiro

- 120 vagas

- nível superior em qualquer área

- inicial até de R$ 4.150,00

- vagas na Capital do Estado

- concurso de provas e títulos

- VUNESP

- Antes do Carnaval sai o edital.

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

POESIA DA NOITE

"Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades,
Muda-se o ser, muda-se a confiança;
Todo o mundo é composto de mudança,
Tomando sempre novas qualidades.
Continuamente vemos novidades,
Diferentes em tudo da esperança;
Do mal ficam as mágoas na lembrança,
E do bem, se algum houve, as saudades.
O tempo cobre o chão de verde manto,
Que já foi coberto de neve fria,
E em mim converte em choro o doce canto.
E, afora este mudar-se cada dia,
Outra mudança faz de mor espanto:
Que não se muda já como soía."
Camões

terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

INSCRIÇÕES ABERTAS

- 325 vagas

- 250 vagas para Técnico em Gestão Previdenciária - nível médio - R$ 1.400,00

- 75 vagas para Analista em Gestão Previdenciária - nível superior em qualquer área - R$ 3.800,00 -

- provas previstas para 8 de março p.f.

- inscrições abertas com taxas de R$ 38,00 para técnicos e R$ 60,00 para analistas

- São Paulo Previdência

- Edital em www.vunesp.com.br

Por que não?

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

MÚSICA DA NOITE



ALANIS MORISSETE - HEAD OVER FEET

Ela toca hoje no Via Funchal em SP.
(Estaremos lá)

CONCURSO DA SEMANA

- TRT-ES

- 145 vagas

- Técnico e Analista

- Inscrições a partir de 9 de fevereiro p.f.

- Provas no dia 19 de abril p.f.

- Estilo CESPE: certo ou errado.

- www.cespe.unb.br

ANO NOVO.... VIDA NOVA?

O que você prometeu fazer em 2009 e não começou ainda?

Janeiro já foi. Fevereiro está aí ou vale mesmo outro lema:

Ano novo e a vida é a mesma?