terça-feira, 24 de março de 2009

TJSP - AOS NOMEADOS DA NONONA - PARTE I - DOCUMENTOS PARA A POSSE

COMUNICAÇÃO DE ADMISSÃO NA FUNÇÃO-ATIVIDADE DE

ESCREVENTE TÉCNICO JUDICIÁRIO DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA

COMARCA DA CAPITAL

Solicito seu URGENTE comparecimento na Secretaria de Recursos Humanos, Rua da Consolação, 1483-Térreo (SRH 4.2.2 - Seção de Posse), no horário das 10:00 às 16:00 horas, trazendo, xerox legível (frente-verso) dos seguintes documentos:

1) RG (Carteira de Identidade); CPF; Título de Eleitor (com comprovante da última votação, ou Certidão do Cartório Eleitoral comprovando estar quite com a Justiça Eleitoral);2) PIS-PASEP : Comprovante de Cadastramento (frente-verso);3) Certidão de Nascimento ou Casamento. Em caso de separação consensual ou divórcio: apresentar Certidão averbada. Certidão de óbito do cônjuge, se viúvo/a;4) 05 (cinco) fotos 3x4 (recentes);5) Certificado Militar devidamente regularizado, frente-verso (para candidatos do sexo masculino);6) Certificado de Conclusão ou Diploma do Ensino Médio (2º Grau) -acompanhado do original ;

OBSERVAÇÕES:1 - Candidatas do sexo feminino, caso tenham realizado nos últimos 05(cinco) meses exames de PAPANICOLAOU e/ou MAMOGRAFIA, deverão apresentá-los no DPME (Departamento de Perícias Médicas do Estado), no dia agendado para perícia de ingresso. 2 - Informações sobre os demais documentos necessários para a posse serão fornecidas pessoalmente nesta Seção. 3 - Eventuais dúvidas podem ser dirimidas pelo telefone (11) 3231-1188 Ramal 201, 3257-3929, ou pessoalmente na SRH 4.2.2 - Seção de Posse.

Passei então a providenciar os documentos. Como estou casada há pouco tempo e alterei o nome, precisei arrumar todos os documentos para que passassem a constar o nome de casada.

No dia 20/01 com todos os documentos em mãos me dirigi até o local informado para apresentá-los. Na verdade os documentos são obrigatórios para que se possa retirar uma guia e marcar a perícia médica no DPME (Departamento de Perícias Médicas do Estado) exigida para o ingresso.

E demora viu, apenas cinco pessoas estavam na minha frente, mas foram mais de 3 horas para expedir a tal guia, por isso é bom levar um livro ou uma revista, porque a espera é cansativa.

O DPME só fica aberto até as 16hs e a guia emitida pelo RH só tem validade de 24hs, desse modo, necessário ir bem cedo para não ter que retornar no dia seguinte.

Bom informar também, que quando chegamos para entregar os documentos solicitados, outros documentos são pedidos, tais como certidão dos cartórios criminais e de execução criminais da sua comarca; certidão de antecedentes criminais; se possui superior: o certificado de conclusão do curso superior (copia simples e original); se tiver inscrição na OAB: o pedido de cancelamento da mesma entre outros.

Importante frisar que tais documentos podem ser apresentados até a data da posse, por isso o RH só informa a necessidade de tais documentos na data em que apresentar aqueles solicitados inicialmente. Mas se quiser pode apresentá-los junto com os já solicitados, foi o que eu fiz.

Para quem já possui emprego fixo, a funcionária do RH só aconselha pedir demissão após a emissão do laudo médico como apto, porque ai sim está garantido o ingresso no cargo, antes da perícia nada é garantido. O mesmo acontece para aqueles que possuem inscrição na OAB ou atuam na área.

De posse da guia é preciso ir até o DPME marcar a perícia, o DPME fica no Glicério e é longe do RH, ideal é ir de táxi, como normalmente tem outras pessoas indo para o mesmo local dá para ratear o valor do táxi que gira em torno de R$ 13 ou 15 reais.

Lá no DPME eles exigem a guia do RH do TJ, as fotos e um “selo médico” que na verdade é uma guia de atestado médico, verde, que vende em farmácias. Aqui em São José apenas encontrei na Drogaria São Paulo, lá em São Paulo os flanelinhas de carros em frente ao DPME vendem pelo preço de R$ 3,00.

Com todos esses documentos você então pega uma senha e agenda a data da perícia médica.

Uma informação importante para as mulheres: em que pese o tribunal peça o exame de papanicolau com menos de cinco meses, esse exame apenas será mostrado para o médico na data da perícia e lá eles pedem o exame de até um ano, ou seja, não precisa agendar ginecologista correndo para atualizar o exame se ele tiver menos de ano.

Um detalhe que eu esqueci, para se chegar no RH do TJ dá para ir daqui de São José de ônibus. Desça no Terminal Rodoviário do Tietê, pegue o metro sentido Jabaguara até a estação Paraíso, lá faça baldeação pela linha verde sentido Vila Madalena (eu acho q é isso, se não for é Vila alguma coisa) e desça na estação Consolação, assim que descer mantenha sempre a esquerda, suba a escada da esquerda, depois vire a esquerda e suba outra escada e depois vire a esquerda de novo, vai sair na Av. Paulista, a terceira rua que corta a Paulista é a Rua Consolação, mas estará na numeração 2800 então aconselhável pegar um ônibus na própria rua e dar sinal assim que avistar um cemitério do lado esquerdo. Afora isso pode ir a pé mesmo, mas já aviso que é uma caminhada boa, uns 5 ou 6 quarteirões, para isso vá com sapatos confortáveis. Eu desavisada fui a pé e de sandália, fiquei cheia de calos nos pés.

Na volta do DPME para o Terminal Rodoviário do Tietê não é tão difícil, pegue o metro na estação Dom Pedro (que fica de certo modo próximo ao DPME, só perguntar por lá) linha vermelha até a estação Sé. Na Sé faça baldiação pela linha azul sentido Tucuruvi até a estação Portuguesa-Tietê, pronto já estará no Terminal Rodoviário.

É fácil e dá pra fazer tudo num dia só, se for bem de manhã.

Bem, é isso! Agora estou aguardando a data da perícia, assim que eu passar por ela trarei mais detalhes.

Novamente agradeço à todos que me deram apoio de alguma forma, seja com materiais de estudo, com dicas, com uma palavra de conforto, com o simples apoio moral ou qualquer outro ato. Também agradeço aos colegas de estudos, aos professores, especialmente a você Douglas que sempre acreditou na minha capacidade, aos familiares e amigos, pois sem eles não somos nada.

Enfim, agradeço a todos que torceram por mim e ainda torcem. E para aqueles que continuam na esperança de ser nomeados ou de se classificarem em algum concurso eu desejo toda a força do mundo e acredito que uma hora vocês chegarão lá, mantenham a fé em Deus e em vocês mesmos. Na hora de Deus (na hora certa) as coisas acontecem.

Beijos e até a próxima.

Priscila Sampaio

(foi a comunicação utilizada a posse da nomeação anterior. Pode sofrer alteração eventualmente, em especial a horários etc)

2 comentários:

rosangela disse...

solicito esclarecimentos se alguem puder me explicar qual a diferenca entre as nomeacoes que estao ocorrendo no TJ???? pq estao sendo nomeados pela Lei 500, isso altera alguma coisa na pratica??? podemos perder o cargo ou algo parecido....
Fui nomeada nessa ultima chamada, mas como ja trabalho em cargo publico fico com receio....
Alguem pode me esclarecer alguma coisa. Obrigada. Rosangela De Biaggi

Camisa 9 disse...

Obrigado pelas esclarecimentos Priscila!

Qual cargo vc foi nomeada? E da onde vc é? SJC?

E Parabens, viu...! :D