domingo, 18 de março de 2012

Como foi a prova do TRESP?

Silvia

Já voltamos da prova de técnico! As questões de direito estavam confundindo muito, mas foram minoria. Português maravilhoso, caiu tudo o que a Renata disse que cairia! Arquivologia e Informática é que espantaram: 10 questões de cada.

Domingo, 18 Março, 2012

Anônimo disse...
A prova´para técnico estava muito difícil. Arquivologia surpreendeu todo mundo e as questões jurídicas foram ingratas. Não tem como dizer se fui bem ou mal, pois assim como eu, todos sairam com cara de alface, sem entender o que tinha acontecido.


Palavras cruzadas:

A prova de português foi trabalhosa, exatamente como esperado, 3 textos e 1 música fáceis e questões de média dificuldade (30 questões). Informática foi de fácil pra médio (10 questões). Já Arquivologia surpreendeu no número de questões (10!), mas fáceis pra quem estudou. Conhecimentos específicos foi bem fora do padrão das provas anteriores e sem perguntas manjadas. Foram 7 de constitucional, 7 de eleitoral, 6 de administrativo, 5 de normas aplicadas aos servidores públicos federais e 5 de regimento interno do TRE SP. Choveu questões pra assinalar a INCORRETA, EXCETO, "NÃO é", etc. Vamos esperar o gabarito dia 23/03, mas mesmo quem não tiver notão pode aguardar confiante porque é provável que as notas caiam bastante em relação às provas do TRE dos outros estados.


E você, o que achou da prova???

62 comentários:

Patrícia (baixada santista) disse...

Achei bem difícil e cansativa. Muitas questões de arquivologia, matéria que não consegui estudar, então, usei o critério da lógica e fui eliminando. Rsrsrsr
Não caiu nenhuma questão referente a lei 135/ 2010, e isso me surpreendeu, pois vários professores apostaram que cairia.
Eh, conferir o gabarito, mas de antemão, só Deus, viu!!!! kkkk

Anônimo disse...

Boa noite professor,

perguntas de CF

Com base em qual princípio o presidente da republica nomeia o ministro do STF após sabatina do Senado?

Anônimo disse...

Uma questão sobre a região metropolitana do vale do paraíba, se tinha de ser por lei complementar e outras coisas que não me recordo.

Anônimo disse...

Uma falando que o servido X foi eleito para prefeito, e como ficaria a questão da cumulação das funções e os vencimentos a que faz jus?

Anônimo disse...

uma de adm. perguntando por qual modalidade de licitação deveria ser o processo para contratação de uma construtura de casas, valor RS1.000.000,00

Anônimo disse...

uma de adm. perguntando por qual modalidade de licitação deveria ser o processo para contratação de uma construtura de casas, valor RS1.000.000,00

Anônimo disse...

uma de adm. falando que houve tentativa de alienação de um imóvel público que não é mais necessario para a Administração. Não houve pretendentes! Perguntava se era dispensa ou inxigibilidade?

N disse...

E Analista pessoal?

Nícolas disse...

Aquela que perguntava qual era competência originária do STJ não era a A? Estado estrangeiro contra município?

Palavras Cruzadas disse...

A prova de português foi trabalhosa, exatamente como esperado, 3 textos e 1 música fáceis e questões de média dificuldade (30 questões). Informática foi de fácil pra médio (10 questões). Já Arquivologia surpreendeu no número de questões (10!), mas fáceis pra quem estudou. Conhecimentos específicos foi bem fora do padrão das provas anteriores e sem perguntas manjadas. Foram 7 de constitucional, 7 de eleitoral, 6 de administrativo, 5 de normas aplicadas aos servidores públicos federais e 5 de regimento interno do TRE SP. Choveu questões pra assinalar a INCORRETA, EXCETO, "NÃO é", etc. Vamos esperar o gabarito dia 23/03, mas mesmo quem não tiver notão pode aguardar confiante porque é provável que as notas caiam bastante em relação às provas do TRE dos outros estados.

Palavras Cruzadas disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
N disse...

E Analista pessoal?

N disse...

E Analista pessoal?

Anônimo disse...

Tenho pouco tempo como concurseiro. Mas, falando de toda a minha experiêncoa com provas de vestibulares (passei por vários) e algumas de concursos, posso dizer que nunca fiz uma prova tão inteligente, linda e bem feita como essa do TRE-SP.

Triste pelo nível de dificuldade e achar que não tenho chances de "abocanhar" a vaga (45 vagas para 70 mil é desanimador). Mas feliz por ter tido a oportunidade de encarar esse leão, dos mais belos.

Parabéns a todos que passaram pela experiência de hoje e ao TRE-SP e à FCC por uma provão tão alto nível.

Perto dessas, meus outros concursos (MP-SP, Polícia Civil e TRE-PR, inclusive, foram "amadores").

Palavras Cruzadas disse...

Olá Antônio, sobre a questão que vc citou de ADM perguntando por qual modalidade de licitação deveria ser o processo para contratação de uma construtura de casas populares no valor de 1 milhão de reais, fiquei entre Tomada de Preço e Concorrência. Marquei T. Preço pelo valor, já que se referia a obra de engenharia. No entanto, acho que cabe recurso pq sempre cabe concorrência nos casos de Tomada de preço e Convite se for conveniente pra administração. O q vcs acham?

Palavras Cruzadas disse...

Pessoal, sobre aquela de ADM falando que houve tentativa de alienação de um imóvel público que não é mais necessario para a Administração, se tratava de licitação deserta, certo? Eu coloquei que nesse caso a licitação era dispensável se fosse conveniente pra administração. Não achei que fosse inexigível pq não se tratava de impossibilidade de concorrência. Será que viajei?

Palavras Cruzadas disse...

Nessa que o servido X foi eleito para prefeito coloquei que ele era afastado do cargo efetivo e tinha que optar pela remuneração.

Anônimo disse...

Cabe concorrência de acordo com a analise de conveniencia e oportunidade - discricionariedade da Adm. pub., em regra é Tomada de Preço!

Palavras Cruzadas disse...

Concordo que a prova foi muito bem elaborada e de altíssimo nível. Sou da área da saúde e comecei a estudar pra esta prova de técnico adm há 3 meses, me apaixonei por direito e pretendo continuar estudando. Também fiz a prova do TRE PR e realmente não tem nem comparação a de hoje. Os caras nos respeitaram e tô até orgulhosa de ter feito a prova mesmo sabendo q será difícil pegar uma das vagas anunciadas. Mas bora continuar estudando gente! Vem aí o TRF....

Palavras Cruzadas disse...

Prova técnico adm, questão de D. ADM: caiu uma sobre responsabilidade civil do estado no caso de atendimento insuficiente num hospital com dano comprovado ao cidadão. Nas alternativas tinha uma q dizia q era resp objetiva do estado com ação regressiva contra o servidor com dolo ou culpa, lembram? coloquei essa. Please, comentem.

Palavras Cruzadas disse...

Professor Douglas, obrigada por abrir esse espaço pra comentarmos a prova! É muito importante pro nosso aprendizado e pra aliviar a tensão pós prova. Gostaria de assistir suas aulas. Onde vc dá aula?

Anônimo disse...

Fiz varias provas dos TRE's de outros estados e essa foi de longe a mais dificil. As questoes de direito eram as piores, estudei muito porem me confundi na prova. Boa sorte a todos e parabens para quem conseguir uma vaga.

Palavras Cruzadas disse...

Lembrei de uma questão que tratava de parentesco entre juízes da justiça comum. Dizia que um Juiz era casado com X mas separado e com união estável com Y, sobrinho de Ronaldo e tinha um sobrinho Leonardo. Perguntava qual dos parentes poderia ser designado para cargo em comissão. Nas alternativas tinha todo mundo citado, um em cada alternativa. Coloquei que era o Leonardo (sobrinho - 40. grau) pq era o mais distante, pois se o tio (3o) pudesse o de 4o poderiam tbém e a questão teria que ser anulada. O que acham?

Isis Ramos disse...

Prova para Analista área Judiciária, Direito Eleitoral e Constitucional dentro do esperado, Direito Civil e administrativo achei difícil, com muitas perguntas sobre leis específicas, português estava com bastante interpretação de textos, dois temas de redação tranquilos, eu escolhi fazer sobre a Separação dos Poderes. Em geral um prova muito bem feita, exigia atenção, agora vamos esperar o gabarito e seguir estudando para os próximos, boa semana a todos.

Isis Ramos - Campinas.

Palavras Cruzadas disse...

Lembrei de outra:D. Eleit
Falava q numa propaganda partidária na TV foi feita propaganda de pré-candidato a eleição e perguntava qual seria a consequência para o partido. As opções eram: suspendia o fundo partidário? tinha multa? perdia tempo de propaganda na TV? etc... vejam aí se lembram e comentem por favor...

Palavras Cruzadas disse...

Constitucional:
Mandado de Injunção de direito previsto na constituição: é competência originária do STJ ou do STF para a a impetração? Essa foi fogo! Tudo que eu sabia sobre Mandado de Injunção já tava no enunciado!

Professor Douglas disse...

A Competência para o Mandado de Injunção pode ser tanto do STF:

q) o mandado de injunção, quando a elaboração da norma regulamentadora for atribuição do Presidente da República, do Congresso Nacional, da Câmara dos Deputados, do Senado Federal, das Mesas de uma dessas Casas Legislativas, do Tribunal de Contas da União, de um dos Tribunais Superiores, ou do próprio Supremo Tribunal Federal;

quanto do STJ:

h) o mandado de injunção, quando a elaboração da norma regulamentadora for atribuição de órgão, entidade ou autoridade federal, da administração direta ou indireta, excetuados os casos de competência do Supremo Tribunal Federal e dos órgãos da Justiça Militar, da Justiça Eleitoral, da Justiça do Trabalho e da Justiça Federal;

Professor Douglas disse...

As regiões metropolitanas dependem de lei complementar:

art. 25:


§ 3º - Os Estados poderão, mediante lei complementar, instituir regiões metropolitanas, aglomerações urbanas e microrregiões, constituídas por agrupamentos de municípios limítrofes, para integrar a organização, o planejamento e a execução de funções públicas de interesse comum.

Patrícia (baixada santista) disse...

Oi pessoal. E aquela questão de arquivologia que falava sobre a ordem alfabética dos arquivos e coisa e tal. Fui pela lógica, primeiro a Ana Beatriz, depois a Beatriz e assim por diante, porém, não tinha a alternativa de acordo com a minha ordem. Não é possível. colocar em ordem alfabética a gente sabe, srsrrsr.
Por acaso era ordem inversa? Por favor comentem. bj

Palavras Cruzadas disse...

Mandado de Injunção:

Muito obrigada professor!

Pelo que lembro a questão dizia só que era matéria constitucional sem regulamentação.

Professor Douglas disse...

Sobre a questão do prefeito, a resposta está no art. 38:

II - investido no mandato de Prefeito, será afastado do cargo, emprego ou função, sendo-lhe facultado optar pela sua remuneração;

Palavras Cruzadas disse...

Professor, poderia fornecer informações sobre prazos de direito de petição, Reconsideração de decisão e a quem cabe pedir recurso?

Caiu uma questão sobre isso mas não me lembro muito bem. Se alguém puder adicionar algo....
Obrigada.

Anônimo disse...

Prova de analista - área judiciária foi difícil, não dá pra ter idéia de como fui na prova, muitas dúvidas...seja o que deus quiser !! Achei mais difícil, eleitoral, constitucional e administrativo.

Palavras Cruzadas disse...

Oi Patrícia, essa questão da ordem alfabética era da prova de técnico ou analista?

Professor Douglas disse...

Ação de Estado Estrangeiro x Município é competência do Juiz Federal:

Art. 109. Aos juízes federais compete processar e julgar:

II - as causas entre Estado estrangeiro ou organismo internacional e Município ou pessoa domiciliada ou residente no País;

Professor Douglas disse...

Responsabilidade civil tá no art. 37:

§ 6º - As pessoas jurídicas de direito público e as de direito privado prestadoras de serviços públicos responderão pelos danos que seus agentes, nessa qualidade, causarem a terceiros, assegurado o direito de regresso contra o responsável nos casos de dolo ou culpa.

Professor Douglas disse...

Palavras Cruzada eu dou aulas no Unicursos - www.unicursos.com.br

Palavras Cruzadas disse...

Tinha uma questão que falava que o presidente da república nomeia ministro do STF após aprovação do Senado e perguntava por qual princípio isso era feito:
- Separação dos poderes
- Inafastabilidade do judiciário
- Soberania
- Cidadania
Não me lembro a outra alternativa.
Outra questão que já trazia no enunciado tudo que eu sabia sobre o assunto :o

Professor Douglas disse...

- Inafastabilidade do judiciário

é direito fundamental;

- Soberania
- Cidadania

são fundamentos da República

- Separação dos poderes

É princípio fundamental da República. É a melhor alternativa entre as oferecidas, mas eu gostaria de saber qual seria a última resposta possível, ok?

Palavras Cruzadas disse...

Téc Adm
Arquivologia(algumas respostas que eu já confirmei, mas não lembro bem o enunciado):
- Guia-fora;
- Fundo;
- Protocolo;
- gênero: textuais, sonoros, audiovisuais;
- processo

Regimento Interno:
Quanto tempo o vice-presidente do TRE tem para convocar novas eleições no caso de falecimento do presidente - 30 dias

Anônimo disse...

Constitucional foi o bicho!!!
Acho que essa matéria me tirou desse concurso desta vez...
Fazer o que???

fernandamarialeite disse...

Os documentos são arquivados em ordem alfabética pelo último sobrenome. E com algumas regrinhas também. Assim, segue exemplo:

Ana Beatriz Moreira
Antônio Rodrigues Neto

Ficam:

Moreira, Ana Beatriz
Rodrigues Neto, Antônio.

Umas das regras que lembro é que sobrenomes de "parentesco" como Neto, Filho, Sobrinho, não se separam do sobrenome anterior, como no exemplo acima.
É mais ou menos isso. Depois tem umas regrinhas também com relação ao "de" como em Antônio Moreira de Morais; mas essa eu já não lembro direito...e ainda tem outras regrinhas também. Mas acho que o mais importante mesmo na questão era saber que o último sobrenome vem na frente.

fernandamarialeite disse...

Pelo que me lembro, a questão do mandado de injunção, no enunciado, dizia que era de competêncio do Congresso Nacional. Então a competência era do STF né...acho que errei...:(

Muito complicado decorar tudo isso, prof...afff

Anônimo disse...

Professor, Douglas.

Caiu uma questão que falava sobre Decreto de Governador.

Uma das opções era que o decreto poderia extinguir um órgão e cargos vagos.

A outra dizia que não poderia extinguir órgão nem mesmo onerar a Adm. Púb.

Eaí Professor, qual você acha que está certa????

Anônimo disse...

Professor, Douglas.

Caiu uma questão que falava sobre Decreto de Governador.

Uma das opções era que o decreto poderia extinguir um órgão e cargos vagos.

A outra dizia que não poderia extinguir órgão nem mesmo onerar a Adm. Púb.

Eaí Professor, qual você acha que está certa????

Anônimo disse...

ANALISTA JUDICIÁRIO - ÁREA JUDICIÁRIA

Questões:

1. Jurisprudência do STF sobre o depositário infiel (não é possível) ...
2. Recurso para o TSE: inelegibilidade e divergência entre TREs...
3. Litigância de má-fé (R$ 620,00)...
4. Devolução em dobro do valor cobrado (R$ 100.000,00)...
5. Prazo da apelação no Jecrim (10 dias)...
6. Agnome: Neto (essa foi dada, hein?!)...
7. Dos 4 juízes: Sobrinho e amigo...
8. Discricionário e vinculado...
9. Não pode citação postal: 3 casos ...
10. Responsabilidade objetiva...
11. Crime de improbidade administrativa...
12. Não é propaganda eleitora antecipada...
13. Ressarcimento e indisponibilidade dos bens, sem prejuízo da ação penal...
14. Doação: onerosa, bilateral e solene... (nesse caso entendi que como a doação foi acordada por escrito, já seria bilateral e solene... onerosa porque era para ele usar como sede do partido)
15. A competência para legislar sobre direito eleitoral é privativa da União (art. 22 , I, CF ).
16. Transporte rural, membros da mesma família, pode...
17. Sindicato e entidade desportiva, financiamento de campanha...
18. Cicerus e Lucius (acho que esses eram os nomes, rsss)...
19. Secretário de Estado: TJ...
20. Reserva de plenário...
21. Prazo da posse do ministro do TJ 30 + 60...
22. Regimento interno: representações...
23. Veto: sessão conjunta...
24. Prescrição: crime e multa, mesmo prazo...
25. Gratificação, curso...
26. Direito de resposta: 24hrs...
27. Ministro do STJ como testemunha: data e hora marcadas, apenas...
28. Ato administrativo não pode limitar idade...
29. Nome do programa igual ao do candidato, não pode divulgar o nome do programa...
30. Apelação, reconsideração por mais de uma vez...
31. Inelegibilidade reflexa ("são inelegíveis, no território de jurisdição do titular, o cônjuge e os parentes consangüíneos ou afins, até o segundo grau ou por adoção, do Presidente da República, etc...)...
32. Informações do eleitor... Para quem o TSE pode divulgar...

Anônimo disse...

Douglas a questão que falava que o presidente da república nomeia ministro do STF após aprovação do Senado e perguntava por qual princípio isso era feito, as 5 alternativas eram:
- Separação dos poderes
- Inafastabilidade do judiciário
- Soberania
- Cidadania
- SOLUÇÃO PACÍFICA DOS CONFLITOS

Bom fiquei um pouco confusa, mas por eliminação eu coloquei 'separação dos poderes'. E aí será que acertei?

Anônimo disse...

Professor,
Tinha uma questão que falava de Decreto de Governador.
Uma alternativa falava que o Decreto poderia extinguir órgão e cargo vago.
Outra falava que não poderia extinguir órgão e nem mesmo aumentar os gastos.
Eaí o que você acha??

Anônimo disse...

PROFESSOR, ARQUIVOLOGIA E INFORMÁTICA IRÃO DECIDIR O CONCURSO DO TRE DE SP, POIS POUCOS ESTUDAM ESSAS DISCIPLINAS E VÃO MAIS PELAS DISCIPLINAS DE DIREITO E L.PORTUGUESA.

Anônimo disse...

Oi galera. Achei a prova dificílima!!! Foi muito bem elaborada e muito diferente das anteriores. Acho que foi pra derrubar mesmo. Também 70 mil inscritos... Achei complicada a parte de direito constitucional. Alguém se lembra de uma questão que dizia que o governador poderia emitir decreto para organização de sua secretaria? não me lembro muito bem... Se alguém lembrar, pode comentar, por favor. Parabéns a todos que sobreviveram `a prova.

Anônimo disse...

Achei muito difícil a prova. não tem nem comparação com àquelas dadas ao parana e Ceará.Acho que foi para derrubar mesmo. Tmb, 70 mil candidatos... Gostaria que alguém comentasse sobre aquela que falava que o governador poderia fazer decreto para reorganização da estrutura de sua secretaria. não me lembro muito bem. Parabéns a todos que sobreviveram à prova.

TAIS DESTRO disse...

OIIIIEEE PROF DOUGLAS !!!


EITA POVO EMPOLGADO HEIN !!?!?

ISSO AEEE, QUERO VER VÁÁÁÁRIOS APROVADOS NESSE TRE!

PENA QUE PERDI O PRAZO DE INSCRIÇÕES.. O MP DESVIOU TODA A MINHA ATENÇÃO... RSRS...

BEIJOSSSS!!!

Anônimo disse...

Galera, realmente tenho que concordar a prova tava maravilhosa, o mais legal é que caiu tudo que estava estudando de antemão no meu curso de jornalismo XD!!!Me lembro de uma questão de informática que falava sobre o intermediário entre a internet e o computador, quem colocou Modem acertou, tava muito fácil essa!Direito Administrativo achei mais difícil e pelo que pude perceber acertei todas de arquivologia!!!Se eu estiver na lista dos 200 já to feliz!

Anônimo disse...

Olá professor Douglas!
òtimo espaço para nós concurseiros!

De fato a prova da FCC foi muito bem elaborada e quebrou aquele conceito de que a FCC é a "fundação copia e cola".
Achei as primeiras questões de português bem elaboradas, o texto bem escolhido pois exigia muita atenção para interpretar.
Acho que as questões de
arquivologia surpreenderam a todos, pelo menos eu esperava apenas 2 no máximo 3 questões.
Acho que a FCC poderia divulgar este gabarito logo rsrsrs.
Agora é continuar estudando para os próximos!
Parabéns para aqueles que passarão!

Anônimo disse...

É cruel eles nao disponibilizarem um relogio de papel para colocarem as horas na lousa (sou fiscal do ENEM e lá nos disponibilizamos). Ficamos sem noção da hora e acabei me apressando para responder várias questoes.

Maria Elvira disse...

Deveriam disponibilizar as horas na lousa. Ficamos perdidos sem as horas...

Silvinha disse...

Não sei se porque eu sempre espero que a prova seja um monstro, não me surpreendi muito com esta. Eles sempre capricham nas provas superconcorridas, mesmo. Todos sabíamos que ia ser difícil. Pra mim foi ótimo ter caído bastante arquivologia e informática porque eu estudei tudo e ainda revi na véspera! Mas Direito... nem estudando e revendo, foi complicado. Ainda bem que não foram muitas questões de Direito, foi minoria na prova (apesar do peso). Eu imaginei que seriam muitas questões de Direito Eleitoral, muito mais que as outras de Direito. E eu estava tão preocupada com o tempo que acabei a prova mais de 1,5h antes do prazo final! Nesta velocidade ou eu fui muito bem, ou muito mal... rs Ainda bem que Português que é o mais trabalhoso e demorado é o meu forte e sempre começo por ela. Conversei com muita gente na porta que deixou Português para o final e não teve pique pra fazer... Bom, agora é esperar o gabarito 6ª feira! Espero também o desconto que o diretor prometeu pra gente para estar de volta no curso TRF/TRT. E mais aulas suas, prof!Obrigada pelo apoio, Douglas!

Patrícia (baixada santista) disse...

Palavra cruzada:
Me inscrevi para tecnico adm, mas pelo que vejo,´não passei. bj

Anônimo disse...

Não sei se vocês tiveram a mesma sensação que eu tive, a prova parecia está muito fácil, mas n, estava muito complexa.

Palavras Cruzadas disse...

Também sofri com a questão do horário na prova do TRE-SP. Eu até tinha relógio de pulso, mas o que me atrapalhou foi ouvir de 15/15 min as pessoas perguntarem a hora pra fiscal, além de várias outras perguntinhas q as pessoas faziam em voz alta e a fiscal ficava dando a opinião dela pra todos. Além disso as ficais ficaram conversando na sala a prova toda! Acho que a FCC deveria preparar melhor os fiscais. Não sei se foi azar meu...de qualquer forma, acho que devemos dar nossas sugestões sempre. Eu já fiz isso através do site da FCC, na opção fale conosco: http://www.concursosfcc.com.br/concursos/contato/Contato.novaMensagem.mtw?spi=TRESP111

Quem sabe eles implementam melhorias sugeridas por nós?

Unknown disse...

Professor Douglas, gostaria que ajudasse nesta questão de Técnico TRE:
1. Falava que o PGJ instaurou em 2012 um grupo de apoio especializado no MP para investigação e prevenção nas escolas de violências, crimes, etc. Qual seria um dos objetivos do MP contemplado nesta ação:
A) promover ação civil pública
B) promover privativamente a ação penal pública
C) exercer a defesa dos direitos e interesses individuais, difusos, coletivos e individuais homogêneos
D) exercer a atividade policial de controle externo
E) requisitar diligências investigatórias e instauração de inquérito policial, indicados os fundamentos jurídicos de suas manifestações processuais

Unknown disse...

Professor Douglas, gostaria que ajudasse nesta questão de Técnico TRE:
1. Falava que o PGJ instaurou em 2012 um grupo de apoio especializado no MP para investigação e prevenção nas escolas de violências, crimes, etc. Qual seria um dos objetivos do MP contemplado nesta ação:
A) promover ação civil pública
B) promover privativamente a ação penal pública
C) exercer a defesa dos direitos e interesses individuais, difusos, coletivos e individuais homogêneos
D) exercer a atividade policial de controle externo
E) requisitar diligências investigatórias e instauração de inquérito policial, indicados os fundamentos jurídicos de suas manifestações processuais